O corvo da muralha

''Sou a espada na escuridão.
Sou vigilante nas muralhas.
Sou fogo que queima contra o frio,
a luz que traz consigo a alvorada,
a trombeta que acorda os que dormem,
o escudo que guarda o reino dos homens.''

Queria que alguns sonhos não se realizassem

Só quero ser feliz com quem eu amo de verdade e ser fiel até o fim

A gente morre. E quer saber o que a gente leva da vida, quando morre? Porra nenhuma. A gente só deixa. Acha que, no final, vai levar tuas cicatrizes? Sejam emocionais ou físicas. Não, né? Então pra que tanto medo de viver?

Tati Bernardi.    (via subnega-r)

(Source: decifro, via subnega-r)